Informação

Tonicidade


definição:

tonicidade (do grego tonos = tensão) descreve a pressão osmótica entre dois, separados de uma membrana semipermeável, de líquidos. Nesse contexto, fala-se também de meio externo e interno. Este último geralmente se refere ao espaço intracelular de uma célula, daí o citoplasma. Enquanto o meio externo é sinônimo de espaço extracelular. Entre o meio externo e o interno, há uma membrana semi-permeável através da qual apenas alguns íons podem se difundir.
Substâncias soltas em água, i.a. os eletrólitos cálcio, magnésio, sódio, potássio e cloreto sempre se esforçam para equilibrar as concentrações (equilíbrio entre o meio interno e o externo). A pressão osmótica é responsável pela difusão das partículas soltas através da membrana. Quanto maior a diferença no número de partículas liberadas entre o fluido celular e o meio externo, maior o efeito da pressão osmótica. Em um equilíbrio de concentração de ambos os fluidos, há um estado isotônico. Dependendo da presença de partículas mais ou menos soltas no meio interno, as condições hipertônicas ou hipotônicas estão presentes de acordo. A partir disso, pode-se concluir:
Um líquido é isotônicase tiver tantas substâncias dissolvidas quanto o meio de comparação.
Um líquido é hipertônicase ela tiver mais substâncias soltas, como o meio de comparação.
Um líquido é hipotônicase tiver substâncias menos soltas, como o meio de comparação.